quarta-feira, 28 de maio de 2014

POLICIAIS PRESOS

A polícia prendeu na manhã desta terça-feira (27), em Belém três homens suspeitos de praticar crime de extorsão envolvendo um beneficiário do seguro-defeso. Entre os presos, que estavam com prisão preventiva decretada pela Justiça, está um policial civil.

O trio foi encaminhado para a Delegacia de Crimes Funcionais (Decrif) para prestar depoimento. O policial civil foi levado para o Centro de Recuperação Especial (CRE) Coronel Anastácio das Neves, no complexo de Americano, em Santa Isabel do Pará. Os outros dois homens estão à disposição do sistema penal.

OUTRO

O cabo da Polícia Militar que atirou no investigador da Polícia Civil, José Carlos Chagas Monteiro e matou o filho dele, o estudante Fábio Monteiro, está preso no Centro de Recuperação Especial (CRE) Coronel Anastácio das Neves, localizado em Santa Isabel do Pará, na região nordeste do Estado.

No documento, divulgado na última terça-feira (20), a Justiça do Pará determinou a prisão preventiva do militar, 20 dias após o crime. O caso foi denunciado ao Ministério Público do Estado (MPE), que reuniu as provas do inquérito feito pela Polícia Civil e as encaminhou à Justiça.

Nenhum comentário:

Lei Estadual 8.878/2019 trata sobre a regularização fundiária de imóveis urbanos e rurais do Estado.

Representantes de entidades da sociedade civil paraense e do Ministério Público Federal (MPF) participaram, na manhã ontem terça-feira (8), ...